Solidez do setor de franquias atrai novos e jovens investidores

em 30 outubro | em empreendedorismo, Franquias | por | com Sem comentários


Empreendedores jovens e profissionais que se viram fora do mercado de trabalho enxergaram nesse modelo de negócio a oportunidade de crescerem profissionalmente e com mais segurança


Por MARCIO TADEU AURELIO

As dúvidas na hora de abrir um negócio próprio estão sendo vencidas por um cenário econômico favorável e pela credibilidade repassada ao empreendedor por alguns modelos de negócios. A franquia – modelo em que o franqueador transfere tecnologia, marca, produtos e serviços ao franqueado – é um bom exemplo disso. A vantagem desse tipo de negócio é investir em uma marca consolidada sem precisar inovar. Assim, é preciso manter apenas a identidade.

Em meio a um período encoberto pela sombra da crise econômica, o setor de franquias experimentou um aquecimento representado tanto por jovens com perfil empreendedor como por profissionais que visualizaram no setor a oportunidade para uma recolocação no mercado de trabalho. Pesquisa realizada pela consultoria Rizzo Franchising revelou que, atualmente, mais de 12 mil Jovens com até 25 anos de idade são donos de franquias no Brasil. O número de empreendedores com esse perfil cresceu 17% em relação a 2008 e representa cerca de 16% entre os franqueados no País.

Entre as razões está a vontade de obter sucesso em um curto espaço de tempo aliado a segurança no investimento. Muitos optam pela franquia antes mesmo de formarem uma carreira e ganharem experiência profissional. A pesquisa relevou ainda que em 2009 o número de interessados em abrir uma franquia subiu para 50,5%.

Buscar empresas que já se estruturaram no mercado é um passo importante para o sucesso do negócio. Por mais experiência que o empreendedor tenha, as dúvidas aparecem em alguns momentos. Com suporte, uma marca reconhecida e um bom relacionamento com a empresa franqueadora, o franqueado pode atuar com mais segurança sem em um primeiro momento investir muito em divulgação.

É importante que os jovens interessados pesquisem antes de encarar o desafio de abrir um negócio. Também é preciso possuir identificação com a marca e o segmento em que desejam ingressar. Para uma pessoa que deseja investir em uma empresa é mais seguro o segmento de franquias. A mortalidade das franquias chega a ser até 7 vezes menos do que nas empresas independentes.

baseado em artigos do portal SuaFranquia.com

Lênia Luz

Lênia Luz é Sócia-fundadora e Diretora de Comunicação da Aurelio Luz Franchising & Varejo. Fonoaudióloga, psicomotricista e arteterapeuta; especialista em comunicação humana. Consultora especialista em Microfranquias pelo Instituto Tomodati/BID. Especialista em Empreendedorismo pela FGV/Goldman Sachs, através do projeto “10.000 Mulheres Empreendedoras do Mundo”. Participante da Oficina de Gestão e Empreendedorismo da UFPR. Certificada pela IFA International Franchising Association. Professora Titular do MBA em Empreendedorismo Feminino da UFSCar. Professora da Universidade Livre do Comércio, da Associação Comercial do Paraná e de Gestão Executiva de Bares e Restaurantes na Espaço Gourmet Escola de Gastronomia. Articulista e palestrante em eventos de franchising e empreendedorismo feminino. Criadora dos blogs “Empreendedorismo Rosa”, “Mundo das Franquias” e “Mundo das Microfranquias”. Colunista dos blogs/sites “Bolsa de Mulher”, “Mulheres no Poder”, “Revista + Mulher” e “Portal Webnews – Japão”. Colunista do blog Mulheres Empreendedoras, da revista PEGN – Pequenas Empresas Grandes Negócios.

Ver outras postagens - Site - Twitter

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Scroll to top